O chamado na Bíblia

 

O CHAMADO NA BÍBLIA

Deus chama. Chamado que atravessa nossas vidas. Chamado dirigido a cada pessoa em particular, como podemos ver nas Escrituras. A Bíblia, este livro que conhecemos bem ou mal, que nos intriga, que nos conforta, que nos provoca, que nos ensina a rezar, mostra o chamado de tantas figuras de homens e mulheres.

Deus chama. A Moisés: “Vai, eu te envio a Faraó. Faze sair do Egito o meu povo” (Ex 3,10). A Isaías: “Vai, dirás a este povo....” (Is 6, 9). A Jeremias: “... eu te consagrei, eu faço de ti um profeta para as nações” (Jr 1, 5).

Situações diferentes. Pessoas diferentes. Uma certeza: pessoas que na maioria das vezes não se destacam por nenhuma razão especial. Primeira característica desse jeito de agir de Deus: o chamado é gratuito, não se apoia nos méritos de ninguém, mas é iniciativa gratuita e amorosa do Senhor. Iniciativa que geralmente desconcerta porque a pessoa se dá conta, por um lado, da sua pequenez, por outro, da grandeza da missão que lhe é confiada. Foi assim com Moisés (“Quem sou eu para ir ao Faraó e fazer sair do Egito os filhos de Israel?” Ex 3, 11); com Isaías ( “Ai de mim, estou perdido, sou um homem de lábios impuros, habito no meio de um povo de lábios impuros e meus olhos viram o rei, o Senhor de todo poder” Is 6, 5), com Jeremias (“Ah, Senhor Deus, eu não sei falar, sou jovem demais” Jr 1, 6), com Pedro (“Afasta-te de mim, Senhor, pois eu sou um homem pecador” Lc 5, 8).  Nas reações, o medo: medo de não ser capaz, de não corresponder, medo ao olhar para si, ao olhar a missão. Medo que é, na Bíblia, suplantado pela confiança, risco de acreditar na palavra dada. Risco da fé.  Segunda característica do estilo de Deus: respeitando a liberdade, ajuda a pessoa a confiar.

Deus chama. O Ressuscitado diz a Maria Madalena : “Vai ter com meus irmãos e dize-lhes que eu subo para o meu Pai, que é vosso Pai, para o meu Deus, que é vosso Deus.”(Jo 20,17). Maria Madalena vai, anuncia. As mulheres anunciam. Não fazem a estatística dos que acreditaram ou não no seu anúncio. Anunciam e continuam a caminhar. Terceira característica: Deus dá forças para cumprir fielmente o que foi pedido.

Deus chama. No terreno do diálogo que ele propõe, fica a certeza de que sua iniciativa gratuita e amorosa, seu cuidado em nos ajudar a confiar, sua força nos sustentando na nossa resposta, nos permitem reconhecer que Ele continua a nos chamar hoje e a nos dar a audácia de crer que ele “nos dá o impossível”.

 

Maria Abrão (Irmã de Santo André)



Outras notícias

Grupo Vocacional Santo André Apóstolo

Postado em 22/06/2015 16:13:51

Deseja refletir sobre o rumo a dar à sua vida? Venha conhecer o Grupo Vocacional Santo André Apóstolo...
Continuar lendo